segunda-feira, 3 de dezembro de 2012

Resenha: Feita de Fumaça e Osso

Título: Feita de Fumaça e Osso
Autora: Laini Taylor
Páginas: 384
Editora: Intrínseca
ISBN: 9788580572483
Ano: 2012
Nota: 4/5
Continuação: Days of Blood and Starlight

Pelos quatro cantos da Terra, marcas de mãos negras aparecem nas portas das casas, gravadas a fogo por seres alados que surgem de uma fenda no céu.Em uma loja sombria e empoeirada, o estoque de dentes de um demônio está perigosamente baixo. E, nas tumultuadas ruas de Praga, uma jovem estudante de arte está prestes a se envolver em uma guerra de outro mundo.O nome dela é Karou. Seus cadernos de desenho são repletos de monstros que podem ou não ser reais; ela desaparece e ressurge do nada, despachada em enigmáticas missões; fala diversas línguas, nem todas humanas, e seu cabelo azul nasce exatamente dessa cor. Quem ela é de verdade? A pergunta a persegue, e o caminho até a resposta começa no olhar abrasador de um completo estranho. Um romance moderno e arrebatador, em que batalhas épicas e um amor proibido unem-se na esperança de um mundo refeito.


Alguns livros nos aprisionam em seu mundo, até agora estou tentando sair deste!

Lançado em setembro deste ano, foi de longe a maior surpresa do ano! A história de Karou, uma garota estranha que possui cabelos azuis (que nascem direto da raiz), possui um caderno de desenhos de criaturas horripilantes e que nas horas vagas presta serviço para um quimera na busca de dentes de qualquer espécie, inclusive a humana, ao redor do mundo, é algo totalmente comum não?

Quando o livro chegou em casa, larguei tudo para lê-lo. E me surpreendi muito com a narrativa da autora, Laini escreve de modo fluido, simples e encantador, até poético. Virava as páginas sedento para descobrir quais os segredos que permeiam a vida da protagonista,  dos outros personagens, o modo como é direcionada a trama, tem sempre algo novo, ação e revelações.A mitologia sobre arcanjos e quimeras foi  algo criativo e inovador. Os personagens são muito bem construídos e característicos, cada um possui um aspecto marcante. Já falei da Karou, a respeito dos outros personagens retratados, por exemplo, as quimeras, fisicamente podem ser monstros, mas por dentro são humanizados, podem sentir afeto, raiva, até amor. 

O desenvolvimento da história excedeu todas as minhas expectativas, nunca havia lido nada igual. A ideia criada lá pro final do livro foi genial! Deixando pontas soltas para a continuação que deve chegar no Brasil ano que vem. Enquanto isso eu fico aqui, tentando imaginar o que se passa na mente brilhante de Laini Taylor.
 


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Receba as últimas atualizações

Receba as novidades no seu email

Clique e some